O Portal do Geólogo
17/11/2019 20:22:01

Há algo de podre no reino da Petrobras: os números do Pré-sal não batem



Publicado em: 30/6/2015 17:44:00

Há poucos dias atrás a Diretora de Exploração e Produção da Petrobras, Solange Guedes,, em uma palestra sobre o Pré-sal afirmou, com todas as letras, que o Pré-sal é “viável” e que tem “ um custo de produção de nove dólares por barril” . A mesma diretora continua e diz que este custo de produção será menor ainda no futuro.

“We can guarantee that pre-salt is viable with a production cost of US$9 per barrel. If we consider that two production units are not yet producing at their total capacity, the production cost will be even lower. Our operational efficiency of around 92% has contributed significantly to our reaching these low costs,”

A notícia é imediatamente repercutida no Twitter de José Sérgio Gabrielli, ex-presidente da Petrobras que tenta limpar o nome manchado pelos escândalos da Petrobras.

Essa notícia seria motivo de celebração a nível nacional, pois com US$9 de custo operacional a Petrobras teria um lucro de US$51 por barril produzido no Pré-sal.

Um lucro gigantesco, ainda mais agora que a Petrobras está batendo recordes de produção no Pré-sal, já ultrapassando a barreira de 726 mil barris por dia em junho deste ano.

Ou seja: só o pré-sal adicionaria um lucro de US$37 milhões de dólares por dia (726.000 x 51) ou de 13,5 bilhões de dólares ao ano...mesmo aos preços deprimidos do petróleo de hoje.

Seria ótimo se fosse verdade!

Mas, obviamente, não é isso o que está ocorrendo, pois a Petrobras está cortando os investimentos em 37% e deixando de investir R$282 bilhões nos próximos quatro anos...

Com esse corte de investimentos a produção de petróleo da Petrobras cairá dos 5,3 milhões de barris por dia previstos para apenas 3,7 milhões de bpd. Uma queda substancial e totalmente ilógica para quem produz um barril a US$9...

Como explicar que a Petrobras vai colocar o pé no freio do Pré-sal se cada barril produzido, segundo a Diretora de Exploração e Produção , gera um lucro de US$51/por barril aos preços do petróleo de hoje?

Não seria o Pré-sal a cereja do bolo, o grande gerador de lucros que a Solange Guedes e a Petrobras dizem ser?

Para entender essa incoerência fomos buscar os custos reais da produção do barril do pré-sal, que segundo vários especialistas e pesquisas feitas pelo Portal do Geólogo é muito maior do que estes US$9/barril apregoados.

Em uma pesquisa aprofundada feita pelo Portal do Geólogo em 25 de dezembro de 2014 fica claro que a os poços do pré-sal tem um break-even entre US$30 e US$70 por barril e que a média está próxima dos US$45/barril, o mesmo número que a Petrobras publicou em 6 de janeiro de 2015 como representativo do Pré-sal.

( veja a matéria )

Neste comunicado a Petrobras dizia que o custo de produção do barril médio do pré-sal estava em US$45, sem considerar os gastos do escoamento do gás, que adicionariam US$5 a US$7/barril.

Ou seja: o barril médio segundo o comunicado oficial da Petrobras, no pré-sal custava US$52 em janeiro de 2015.

No estudo (veja a imagem abaixo) feito pelo Portal do Geólogo na mesma época, não existia nenhum poço da Petrobras com custo de empate abaixo de US$30/barril.

Break-even Petrobras

Onde estão, então, os custos de produção de US$9/barril?

Na realidade esses números não existem e nos estranha que a Petrobras, uma empresa pública que diz ter transparência e governança corporativa, não venha a público desfazer os erros e inferências que esse custo de US$9/barril dito por uma Diretora de Exploração e Produção podem causar aos desavisados investidores...

O número do break-even médio do Pré-sal pode ser visto em uma apresentação recente, de maio de 2015, feita por Mauro Yuji Hayashi o Gerente de Planejamento do Pré-Sal, um especialista da área.

No slide da página 24 da apresentação Mauro apresenta os números do break-even.

O slide é meio confuso (veja abaixo, mas dá para entender que atualmente o break-even do Pré-Sal varia entre US$40 a US$52/barril e que no futuro poderá cair para um patamar mais baixo não especificado.

Break Even Pré-Sal

Esta é a realidade que a Petrobras e seus executivos divulgam: o custo médio da produção de um barril no Pré-Sal é de US$45.

Infelizmente chegamos a conclusão que não existe barril de petróleo no Pré-sal sendo produzido a US$9.

É por isso que a Petrobras, a empresa mais endividada do mundo, está desativando sondas e cortando os investimentos mesmo estando em cima de uma das maiores reservas de petróleo do mundo onde bate recordes de produção a cada semana...




Autor:   Pedro Jacobi - O Portal do Geólogo

  

 


editoriais energia polemicos geoestatais    7835
12.000 ANOS DE ABANDONO  um livro de Pedro Jacobi

Caro usuário do Portal do Geólogo
Se você gosta de descobertas arqueológicas inéditas no meio da Amazônia vai gostar do livro que estou lançando. É um não ficção sobre uma pesquisa real que estou fazendo.

Com o avanço do desmatamento e com o auxílio da filtragem digital em imagens de satélites, descobri nada menos do que 1.200 belíssimas construções milenares, no meio da Amazônia — totalmente inéditas.

São obras pré-históricas, algumas datadas em 6.000 anos, incrivelmente complexas e avançadas — as maiores obras de aquicultura da pré-história que a humanidade já viu.
Neste livro você se surpreenderá com essas construções monumentais, grandiosas e únicas, feitas por aqueles que foram os primeiros arquitetos e engenheiros do Brasil.
Trata-se de importante descoberta arqueológica que vai valorizar um povo sem nome e sem história. Um povo relegado a um plano inferior e menosprezado pela maioria dos cientistas e pesquisadores.

Dele quase nada sabemos. Qual é a sua etnia, de onde veio, quanto tempo habitou o Brasil e que língua falava são pontos a debater.
No entanto o seu legado mostra que ele era: muito mais inteligente, complexo e tecnológico que jamais poderíamos imaginar.
Foram eles que realmente descobriram e colonizaram a Amazônia e uma boa parte do Brasil.
E, misteriosamente, depois de uma vida autossustentável com milhares de anos de uma história cheia de realizações eles simplesmente desapareceram — sem deixar rastros.
Para onde foram?

Compre agora!
O livro, um eBook, só está à venda na Amazon. Aproveite o preço promocional!


Jacobi Consultoria
Minerador, quer negociar a sua área, ganhar dinheiro com a mineração, atrair sócios estrangeiros ou pesquisar os minérios em sua área? Por que esperar mais?

Só para você: veja as matérias que selecionamos sobre o assunto:

A ameaça de Pasadena: a vez e a hora de Dilma Roussef 20/11

Mineração: adicionar valor ou morrer tentando... 3/9

Conselhos ao geólogo recém-formado 8/9

O dilema da Vale 20/6

Sauditas preparam uma saída para a armadilha do petróleo 25/4

O efeito impeachment: Petrobras bate todos os recordes e sobe 131% em 81 dias 15/4

Você já fez a sua offshore hoje? 4/5

A “dura” vida dos milionários CEOs da mineração 17/3

Por que o Governo defende as empreiteiras e os bancos? 24/2

Bye bye Brasil! Agora todas as grandes agências de risco concordam: os papéis do Brasil são lixo no mercado 24/2

Petrobras vale 4,3 vezes menos do que a Ambev 11/2

Qual a chance de você ser atingido por um meteorito? Um motorista de ônibus indiano é o primeiro caso de morte por meteorito confirmado na história do Homem. 2/7

Ações da Petrobras sobem mais de 9% 27/1

Mineração faz de Canaã dos Carajás a cidade que mais contratou no Brasil em 2015 25/1

O Portal do Geólogo

Geologia e Mineração contadas por quem entende

Desde 27/3/2003

Não entendeu a palavra?

Pesquise o termo técnico!




Pesquise no universo do Portal do Geólogo!

Digite uma palavra na caixa abaixo e estará pesquisando centenas de milhares de matérias armazenadas no nosso site.

 

 

palavra com mais de 2 letras
O Portal do Geólogo    Editor: Geólogo Pedro Jacobi