O Portal do Geólogo
12/11/2019 06:04:51

Glencore reage e sobe 100% em menos de duas semanas



Publicado em: 9/10/2015 12:49:00

A quarta maior mineradora do mundo havia sido depreciada em 30% somente no dia 28 de setembro, após alguns dias de fortes quedas. Além dos motivos óbvios, como os preços das commodities, pairava o espectro de um débito gigantesco que parecia impagável e que poderia destruir a empresa.

No entanto, em dias tudo mudou.

A Glencore é uma empresa que se caracteriza por um gerenciamento de qualidade aliado a um interessante mix de commodities que a faz atrativa aos olhos de muitos. O seu principal problema ainda é o débito concedido por sessenta bancos com a predominância do Bank of America, Citigroup, JPMorgan e Morgan Stanley. Com o lançamento de bônus a exposição global da Glencore supera os US$64 bilhões o que cria uma forte expectativa de desastre.

No entanto, em face às quedas e pressões de mercado a mineradora reagiu.

Cortou o pagamento dos dividendos a zero e implementou um agressivo programa de redução de débito que visa cortar US$6 bilhões ainda em 2015.

A Glencore está vendendo ativos, mas a sua maior e mais dramática intervenção foi a de cortar a sua produção anual de zinco em mais de 1/3.

Com isso o mundo verá uma redução da oferta de zinco de 500.000 toneladas por ano o que, imediatamente fez os mercados tremerem.

O zinco estava no pior preço em 5 anos e com essa estratégia vai recuperar parte do preço perdido. Somente hoje o zinco subiu 8% atingindo US$1.815/t, a maior alta em quatro anos.

A mineradora está paralisando a produção de minas importantes como Lady Loretta na Austrália, Iscaycruz no Peru e reduzindo a produção de McArthur River na Austrália e George Fisher. Mais de 1.600 empregados serão demitidos.

Com isso a Glencore espera preservar o valor das commodities e, naturalmente, das suas reservas.

Exatamente o que a Vale não está fazendo.

Enquanto a Glencore corta produção e aumenta os preço das commodities, fortalecendo-se no processo, a Vale aumenta a produção, o que baixa o valor da commodity enfraquecendo-se no processo.

Outras commodities, importantes para a Glencore, como o cobre também subiram.

O mercado reagiu e vê a estratégia da Glencore, de deixar o minério no chão até que o mercado volte a se recuperar, como um sinal de disciplina, liderança e bom senso.

Como era de se esperar as ações da mineradora subiram e já chegam a 100% em menos de duas semanas. Somente hoje a alta ultrapassa os 7%.

Um claro reconhecimento do mercado da qualidade da estratégia de recuperação adotada pelos executivos da Glencore.




Autor:   Pedro Jacobi - O Portal do Geólogo

  

 


editoriais minex polemicos vocesabia    2958
12.000 ANOS DE ABANDONO  um livro de Pedro Jacobi

Caro usuário do Portal do Geólogo
Se você gosta de descobertas arqueológicas inéditas no meio da Amazônia vai gostar do livro que estou lançando. É um não ficção sobre uma pesquisa real que estou fazendo.

Com o avanço do desmatamento e com o auxílio da filtragem digital em imagens de satélites, descobri nada menos do que 1.200 belíssimas construções milenares, no meio da Amazônia — totalmente inéditas.

São obras pré-históricas, algumas datadas em 6.000 anos, incrivelmente complexas e avançadas — as maiores obras de aquicultura da pré-história que a humanidade já viu.
Neste livro você se surpreenderá com essas construções monumentais, grandiosas e únicas, feitas por aqueles que foram os primeiros arquitetos e engenheiros do Brasil.
Trata-se de importante descoberta arqueológica que vai valorizar um povo sem nome e sem história. Um povo relegado a um plano inferior e menosprezado pela maioria dos cientistas e pesquisadores.

Dele quase nada sabemos. Qual é a sua etnia, de onde veio, quanto tempo habitou o Brasil e que língua falava são pontos a debater.
No entanto o seu legado mostra que ele era: muito mais inteligente, complexo e tecnológico que jamais poderíamos imaginar.
Foram eles que realmente descobriram e colonizaram a Amazônia e uma boa parte do Brasil.
E, misteriosamente, depois de uma vida autossustentável com milhares de anos de uma história cheia de realizações eles simplesmente desapareceram — sem deixar rastros.
Para onde foram?

Compre agora!
O livro, um eBook, só está à venda na Amazon. Aproveite o preço promocional!


Jacobi Consultoria
Minerador, quer negociar a sua área, ganhar dinheiro com a mineração, atrair sócios estrangeiros ou pesquisar os minérios em sua área? Por que esperar mais?

Só para você: veja as matérias que selecionamos sobre o assunto:

Mineração: as melhores apostas de 2016 20/1

Mineração: adicionar valor ou morrer tentando... 3/9

O dilema da Vale 20/6

Mercados mundiais reagem à subida dos preços das commodities: mineradoras decolam 13/4

Por que os investidores das grandes mineradoras estão sorrindo? 30/3

Reformas econômicas na China aquecem mercados de mineração 23/12



O fim da mineração? 3/12

Sem querer Glencore faz zinco cair 3/11

Ferrosos ou metais básicos? 14/10

Enfim! Bolsas mundiais reagem, commodities voltam a subir e mineradoras também. Analistas acreditam em uma possível virada. 7/10

O que está puxando o mercado para baixo e assustando os investidores? 28/9

A quarta maior mineradora do mundo está derretendo... 28/9

China preocupa: ações das mineradoras despencam 22/9

O Portal do Geólogo

Geologia e Mineração contadas por quem entende

Desde 27/3/2003

Não entendeu a palavra?

Pesquise o termo técnico!




Pesquise no universo do Portal do Geólogo!

Digite uma palavra na caixa abaixo e estará pesquisando centenas de milhares de matérias armazenadas no nosso site.

 

 

palavra com mais de 2 letras
O Portal do Geólogo    Editor: Geólogo Pedro Jacobi