O Portal do Geólogo
17/11/2019 20:21:25

Anglo vende a maior mina de platina do mundo



Publicado em: 9/9/2015 12:13:00

A jazida de platina de Rustenburg está encravada no Complexo Ígneo do Bushveld. Trata-se de um depósito com geologia única, de grande porte, associado a um nível de norito pegmatoide de apenas 45cm de espessura média: o Merenski Reef.

Este nível é rico em metais do grupo da platina, cobre, níquel, cobalto, cromo e ouro.

O interessante é que o Merenski é contínuo por centenas de quilômetros tanto lateralmente como em profundidade. Esta excepcional continuidade o tornou no mais importante jazimento de platina do mundo.

A Jazida, que era lavrada pela Amplats, controlada pela Anglo American, vinha perdendo dinheiro nos últimos anos.

Os prejuízos ocorriam graças aos preços menores da platina e aos incessantes problemas entre a empresa, os sindicatos e os mineiros.

Depois de anos de negociações a Anglo percebeu que Rustenburg era um problema que ela não estava em condições de resolver.

É aí que entrou a Sibanye Gold.

Para quem não sabe a Sibanye é a maior produtora de ouro da África do Sul e uma das dez maiores do mundo. A mineradora emprega mais de 44.000 funcionários, a vastíssima maioria da África do Sul e 29% de países vizinhos.

A Sibanye, uma derivada da Gold Fields, conseguiu o improvável. A empresa transformou as minas de baixa performance da Gold Fields em minas lucrativas em apenas dois anos. O segredo foi baixar os custos mantendo 35.000 mineiros empregados.

É este retrospecto que pode fazer a Sibanye Gold conseguir o que a Anglo não mais conseguia: tornar a mina de Rustenburg em uma unidade lucrativa.

Rustenburg Platinum Mines ainda tem uma reserva de 88 milhões de onças de metais do grupo da platina o que tornará a Sibanye em uma líder mundial multi-commodity com foco nos metais preciosos.

O valor do negócio é de US$330 milhões sendo US$110 milhões à vista.

As ações da Sinbanye subiram mais de 10% no anúncio.




Autor:   Pedro Jacobi - O Portal do Geólogo

  

 


mercados minex polemicos preciosos    4930
12.000 ANOS DE ABANDONO  um livro de Pedro Jacobi

Caro usuário do Portal do Geólogo
Se você gosta de descobertas arqueológicas inéditas no meio da Amazônia vai gostar do livro que estou lançando. É um não ficção sobre uma pesquisa real que estou fazendo.

Com o avanço do desmatamento e com o auxílio da filtragem digital em imagens de satélites, descobri nada menos do que 1.200 belíssimas construções milenares, no meio da Amazônia — totalmente inéditas.

São obras pré-históricas, algumas datadas em 6.000 anos, incrivelmente complexas e avançadas — as maiores obras de aquicultura da pré-história que a humanidade já viu.
Neste livro você se surpreenderá com essas construções monumentais, grandiosas e únicas, feitas por aqueles que foram os primeiros arquitetos e engenheiros do Brasil.
Trata-se de importante descoberta arqueológica que vai valorizar um povo sem nome e sem história. Um povo relegado a um plano inferior e menosprezado pela maioria dos cientistas e pesquisadores.

Dele quase nada sabemos. Qual é a sua etnia, de onde veio, quanto tempo habitou o Brasil e que língua falava são pontos a debater.
No entanto o seu legado mostra que ele era: muito mais inteligente, complexo e tecnológico que jamais poderíamos imaginar.
Foram eles que realmente descobriram e colonizaram a Amazônia e uma boa parte do Brasil.
E, misteriosamente, depois de uma vida autossustentável com milhares de anos de uma história cheia de realizações eles simplesmente desapareceram — sem deixar rastros.
Para onde foram?

Compre agora!
O livro, um eBook, só está à venda na Amazon. Aproveite o preço promocional!


Jacobi Consultoria
Minerador, quer negociar a sua área, ganhar dinheiro com a mineração, atrair sócios estrangeiros ou pesquisar os minérios em sua área? Por que esperar mais?

Só para você: veja as matérias que selecionamos sobre o assunto:

Iniciativa privada a um passo do Hélio-3 5/1

O risco Brasil afasta os investidores da mineração 25/12

Desastre! Anglo vai demitir mais de 60% de seus funcionários 8/12

Glencore fechará mina de platina: 900 funcionários podem perder o emprego 19/8

Anglo fará demissões em massa, Lonmin também... 24/7

Asteroide rico em platina e metais nobres alimenta esperança de mineradores espaciais 19/7

África do Sul: mineradoras de ouro devem demitir em massa nos próximos anos 31/5

Geólogos acreditam na extração econômica de ouro e metais preciosos nos esgotos 23/3

África do Sul: a queda na produção de ouro 18/3

A contribuição da mineração no cotidiano de nossas vidas  16/3

O Portal do Geólogo

Geologia e Mineração contadas por quem entende

Desde 27/3/2003

Não entendeu a palavra?

Pesquise o termo técnico!




Pesquise no universo do Portal do Geólogo!

Digite uma palavra na caixa abaixo e estará pesquisando centenas de milhares de matérias armazenadas no nosso site.

 

 

palavra com mais de 2 letras
O Portal do Geólogo    Editor: Geólogo Pedro Jacobi